2009-12-31

A minha preferência musical de 2009

Amy Macdonald foi a minha cantora eleita do ano que agora termina. Pela perfomance, timbre vocal, maturidade, etc.



Bom Ano de 2010 e muito cuidado com as extravagâncias!

2009-12-17

E era uma vez a neve...

A forte chuva da noite passada fez o favor de a derreter toda! E aqui entre nós, que nenhuma criança me estará a ler, ainda bem que ela derreteu...! Ufa...!
É que não gosto nada de ficar presa em casa. Pior ainda que isso, é ter de ir trabalhar às 9 horas da manhã a uma velocidade de 20 km/h. Mas devagar, devagarinho e a passo de tartaruga, com as luzes acesas, lá cheguei. De regresso a casa a estrada já estava em melhores condições. Mas o pior estaria para vir e o pior é mesmo o imenso frio que se faz sentir e que me deixam sem motivação para fazer nada!

Convenhamos que o Inverno é "chato p`ra caramba", vale-nos ao menos a quadra natalícia que se aproxima e que coloca no ar aquela magia especial que só agora a conseguimos sentir. A magia da paz, da solidariedade, da partilha, dos valores de família, enfim do Amor que nesta época parece fazer mais sentido do que em qualquer outra altura do ano. E a acompanhar isto tudo o frio também terá presença marcada, quanto mais não seja para parecer, ainda mais, Natal ou a tradicional fogueira do Galo não teria razão de existir.

2009-12-16

"Balada da neve"

"Batem leve, levemente,

como quem chama por mim.

Será chuva? Será gente?

Gente não é, certamente

e a chuva não bate assim.

É talvez a ventania:

mas há pouco, há poucochinho,

nem uma agulha bulia

na quieta melancolia

dos pinheiros do caminho...

Quem bate, assim, levemente,

com tão estranha leveza,

que mal se ouve, mal se sente?

Não é chuva, nem é gente,

nem é vento com certeza.

Fui ver. A neve caía

do azul cinzento do céu,

branca e leve, branca e fria...

- Há quanto tempo a não via!

E que saudades, Deus meu!

Olho-a através da vidraça.

Pôs tudo da cor do linho.

Passa gente e, quando passa,

os passos imprime e traça

na brancura do caminho...

Fico olhando esses sinais

da pobre gente que avança,

e noto, por entre os mais,

os traços miniaturais

duns pezitos de criança...

E descalcinhos, doridos...

a neve deixa inda vê-los,

primeiro, bem definidos,

depois, em sulcos compridos,

porque não podia erguê-los!...

Que quem já é pecador

sofra tormentos, enfim!

Mas as crianças, Senhor,

porque lhes dais tanta dor?!...

Porque padecem assim?!...

E uma infinita tristeza,

uma funda turbação

entra em mim, fica em mim presa.

Cai neve na Natureza

- e cai no meu coração."

"Augusto Gil, Luar de Janeiro"
 
Pois é e foi isso mesmo que aconteceu, a noite passada e durante a manhã de hoje. Agora.... a queda de neve deu lugar à chuva gelada.

2009-12-07

Excerto


"- Tenho sede desta água - disse o principezinho. Dá-me de beber...
  E então soube do que ele andava à procura.
  Levei-lhe o balde à boca e ele bebeu, de olhos fechados. Tão boa! Aquela água era muito mais do que um alimento. Nascera da caminhada sob as estrelas, do canto da roldana, do esforço dos meus braços. Era boa para o coração, como uma prenda. O mesmo se passava quando eu era pequeno: as luzes da árvore, a música da Missa do Galo e a ternura dos sorrisos é que davam o brilho todo ao meu presente de Natal.
  - Os homens da tua terra são capazes de plantar cinco mil rosas no mesmo sítio... - disse o principezinho. - E, apesar de terem um jardim com muitas rosas, não descobrem aquilo de que andam à procura...
  - Pois não... - respondi eu.
  - E podiam descobrir aquilo de que andam à procura numa única rosa ou num único golo de água.
  - Pois era - respondi eu.
 O principezinho acrescentou:
  - Mas os olhos são cegos. Só se procura bem com o coração."

"O Principezinho" de Antoine de Saint-Exupéry

2009-12-02

Bolo de Côco


Com o tempo frio apetece mesmo fazer um bolo e foi isso mesmo que fiz. Um bolo muito simples, rápido e sobretudo, delicioso, a avaliar pelo tempo que durou!
Aqui deixo a receita para quem quiser.

Ingredientes: 6 ovos; 250 gr de farinha com fermento; 250 gr de açúcar; 125 gr de manteiga (manteiga mesmo, não margarina); 125 gr de côco.

Preparação: Bate-se a manteiga com o açúcar, juntam-se as gemas e continua-se a bater. Por fim misturam-se as claras em castelo e a farinha alternando com o côco. Vai depois a cozer em forno moderado. Pode polvilhar com açúcar em pó. Bom apetite!

2009-11-29

frio

É domingo e lá fora está muiiiiito frio. Já começaram a cair alguns flocos de neve que vinham misturados com chuva e nos surpreenderam. Por um lado não gosto de frio, mas por outro adorava sentir o Natal com neve!
É tão bom ter a lareira acesa e saber que lá fora está uma temperatura arrepiante e, acima de tudo, ter a minha família em casa e feliz!

2009-11-28

Voar

Hoje acordei com uma vontade imensa de ser a fada Oriana, de ter duas asas e voar até ao cume mais alto de uma montanha e soltar um grito aaaahahahahahahahah, cujo eco percorreria vales infinitos, até praias longínquas e iria desvanecer-se no oceano num pôr-do-sol.
E você que me lê, já deu o seu grito, ou um murro na mesa com uns palavrões a trote, ou talvez algo mais light, já praticou exercício físico?
Dizem que faz bem ao stress, eu também acho!!

2009-11-16

"Põe quanto és no mínimo que fazes"


Para ser grande, sê inteiro: nada
Teu exagera ou exclui.
Sê todo em cada coisa. Põe quanto és
No mínimo que fazes.
Assim em cada lago a lua toda
Brilha, porque alta vive.

Fernando Pessoa

Nunca será demais repetir este poema de Fernando Pessoa, que embora possa parecer pequeno, ele é enorme pela mensagem que transmite.

2009-11-03

Mudei de ideias... pode ser?

Depois de alguma pressão para continuar com o blog, porque sim... porque me faz bem psicologicamente, patati, patata... depois de alguma reflexão, é que não gosto nada de voltar com a palavra atrás, resolvi mesmo dar o dito por não dito, ou seja, vamos fazer de conta que o post anterior não existiu e o blog vai prosseguir. Vá lá, não me julguem mal é que, como não gosto nada de estar para aqui a publicar a minha vida privada, sobra-me pouco ou quase nada para dizer. E essa foi a razão que me levou a tomar essa atitude.
Mas vamos arranjar umas coisitas engraçadas para dizer, também sempre posso arranjar umas receitazitas e tal e coisa...!
Pois é... o meu marido e o meu filho estão óptimos e o meu trabalho vai de vento em popa... Já perceberam que não tenho mais nada para dizer, então olhem até ao próximo post... até lá sejam felizes e eu também... jinhos.

2009-10-16

Encerrado

O meu blog está oficialmente encerrado.
Gostei da experiência, mas sinceramente este mundo da blogosfera deixou de me cativar. Talvez um dia volte a render-me a estes encantos, nunca se sabe!
A todos os que passaram por aqui e me conheceram, o meu muito obrigada. Prometo que não deixarei de visitar os vossos cantinhos e de deixar os meus comentários.
Obrigada e até sempre.
Martinha

2009-10-15

Poesia

Da minha janela



Gentis borboletas coloridas
migraram dos meus sonhos despertos
para a janela de onde contemplo
a vida que escorre pelas narinas do tempo

No núcleo das vontades adormecidas
algumas borboletas em voos incertos
ainda estão a bailar aqui e ali
Ora na janela, ora dentro de mim

Úrsula Avner

2009-10-09

Mais um dia de eleição

Sou completamente desapaixonada da política e as diferentes linhas de pensamento parecem convergir todas para o mesmo sítio, "ganhar o tacho e deixa andar".
No próximo fim-de-semana temos mais uma eleição à porta e será em prol da preservação da democracia que cumprirei o meu dever de votar, acreditando que em causa estará o futuro da nossa nação, mas neste caso em particular, das várias cidades e vilas que a compõem.

2009-10-06

Cinema



Há algum tempo que quero muito ver este filme. Vou ver se não falho no próximo fim-de-semana. Só tenho dúvidas se eu e o meu "mais que tudo" vamos levar ou não, o nosso "mais que tudo júnior". A ver vamos...!

2009-10-05

contagem decrescente



Na próxima quarta começo a trabalhar. É tempo parcial e vou só substituir uma grávida de risco. Mesmo assim considero muito bom. Então felicidades pra mim...!!

2009-10-04

Que me visite a simplicidade






"Quero a vida, o ar da montanha
flores do campo para cheirar
o sol poente espelhado no olhar
Da vida eu busco o gesto brando
o olhar contemplativo e manso..."

Úrsula Avner



2009-10-01

Christian, o leão



Esta é uma história, verdadeiramente emocionante, de um leão chamado Christian, que foi adoptado em 1969 por dois homens em Londres.
É a história de um amor invulgar, desde os primeiros meses de vida em Londres, até ao reencontro inesquecível no Quénia.
Mas este bla..bla..bla para dizer que em breve vai sair um livro.
Não me foi mesmo possível controlar as lágrimas, enfim...sou mesmo lamechas!

No, thank you


Constatei há bem pouco tempo que deveria, não digo eliminar, mas reduzir para um, o número de cafés diários. Andava com imensas insónias, que me provocavam sonolência diurna. E sempre que isto acontecia lá tomava eu mais um cafézinho e ficava como se tivesse metido a quinta velocidade, o problema era mesmo à noite, porque queria dormir e não conseguia.
Até que um dia parei para pensar, peguei num lápis e numa borracha e comecei a escrever as páginas diárias da minha vida, apagando tudo o que eu considerava prejudicial para o meu bem estar físico e psicológico.
Mas não... não deixei de gostar de café, antes pelo contrário. Adoro o seu cheiro  e saboreio o momento em que me dou ao luxo de tomar o meu (único) café matinal.

2009-09-30

A Racionalidade Irracional


"Eu digo muitas vezes que o instinto serve melhor os animais do que a razão a nossa espécie. E o instinto serve melhor os animais porque é conservador, defende a vida. Se um animal come outro, come-o porque tem de comer, porque tem de viver; mas quando assistimos a cenas de lutas terríveis entre animais, o leão que persegue a gazela e que a morde e que a mata e que a devora, parece que o nosso coração sensível dirá «que coisa tão cruel». Não: quem se comporta com crueldade é o homem, não é o animal, aquilo não é crueldade; o animal não tortura, é o homem que tortura. Então o que eu critico é o comportamento do ser humano, um ser dotado de razão, razão disciplinadora, organizadora, mantenedora da vida, que deveria sê-lo e que não o é; o que eu critico é a facilidade com que o ser humano se corrompe, com que se torna maligno. "

"Aquela ideia que temos da esperança nas crianças, nos meninos e nas meninas pequenas, a ideia de que são seres aparentemente maravilhosos, de olhares puros, relativamente a essa ideia eu digo: pois sim, é tudo muito bonito, são de facto muito simpáticos, são adoráveis, mas deixemos que cresçam para sabermos quem realmente são. E quando crescem, sabemos que infelizmente muitas dessas inocentes crianças vão modificar-se. E por culpa de quê? É a sociedade a única responsável? Há questões de ordem hereditária? O que é que se passa dentro da cabeça das pessoas para serem uma coisa e passarem a ser outra?
Uma sociedade que instituiu, como valores a perseguir, esses que nós sabemos, o lucro, o êxito, o triunfo sobre o outro e todas estas coisas, essa sociedade coloca as pessoas numa situação em que acabam por pensar (se é que o dizem e não se limitam a agir) que todos os meios são bons para se alcançar aquilo que se quer.
Falámos muito ao longo destes últimos anos (e felizmente continuamos a falar) dos direitos humanos; simplesmente deixámos de falar de uma coisa muito simples, que são os deveres humanos, que são sempre deveres em relação aos outros, sobretudo. E é essa indiferença em relação ao outro, essa espécie de desprezo do outro, que eu me pergunto se tem algum sentido numa situação ou no quadro de existência de uma espécie que se diz racional. Isso, de facto, não posso entender, é uma das minhas grandes angústias. "

José Saramago, in "Diálogos com José Saramago"

Declaração do Presidente da República



"não existe em nenhuma declaração ou escrito do Presidente qualquer referência a escutas..."
"Durante o mês de Agosto...fui surpreendido com declarações de destacadas personalidades do partido do Governo exigindo ao Presidente da República que ... viesse falar sobre a participação de membros da sua casa civil na elaboração do programa do PSD..."
"Considerei graves aquelas declarações, um tipo de ultimato dirigido ao Presidente da República."
"Pretendia-se, quanto a mim, alcançar 2 objectivos... :" "1 - Puxar o Presidente para a luta politico-partidária, encostando-o ao PSD...", "2 - Desviar as atenções do debate eleitoral..."

2009-09-28

As árvores e os livros



As árvores como os livros têm folhas
e margens lisas ou recortadas,
e capas (isto é copas) e capítulos
de flores e letras de ouro nas lombadas.
E são histórias de reis, histórias de fadas, as mais fantásticas aventuras,
que se podem ler nas suas páginas,
no pecíolo, no limbo, nas nervuras.
As florestas são imensas bibliotecas,
e até há florestas especializadas,
com faias, bétulas e um letreiro
a dizer: "floresta das zonas temperadas".
É evidente que não podes plantar
no teu quarto, plátanos ou azinheiras.
Para começar a construir uma biblioteca
basta um vaso de sardinheiras.

Braga, Jorge Sousa - Herbário. Lisboa. Assírio & Alvim, 1999

a vida e o tempo


Contemplo minha própria vida gotejando
nas linhas que a vida traça
A vida é como o próprio tempo que me escapa
se acampando nos céus
que ele mesmo tinge e enlaça

Hoje... as nuvens nimbus, o vento forte
A vida segue a compasso da tormenta
Amanhã... o céu azul anil, o sol no horizonte
A vida brada no ritmo do dia claro que a acalenta

Se hoje, fechou-se o tempo
e a chuva torrencial destelha os bons pensamentos
aloja em lágrimas os meus desalentos
Amanhã, o dia se abrirá num manto azulado
a vida irá sorrir sem lívida lembrança
do que já foi tornado

*Úrsula Avner*

2009-09-25

Olhar o "voto" como um privilégio

Votar é um direito, um dever cívico e sobretudo um privilégio das sociedades democráticas. Entender a democracia como o melhor dos sistemas, é perceber que o voto de cada cidadão é essencial para a manter.
Votar como e em quem quisermos, mas acima de tudo, nunca  abdicarmos desse direito.

2009-09-24

A vida e o Cosmos

"Se não existe vida fora da terra, então o universo é um grande desperdício de espaço"
Carl Sagan

(antes de visualizar o video, não se esqueça de desligar a música)



As últimas notícias e segundo o Jornal Público de hoje, dão conta de que foi descoberta água na superfície lunar.
"Não estamos a falar em lagos, oceanos ou até mesmo poças. Água na lua significa moléculas de água e hidroxila", referem os autores

2009-09-23

A vida é assim...



E é isto ... ser mãe e pai é ter dentro do coração um amor sempre presente, incondicional para dar ao filho. Por um lado desejamos que ele cresça, que seja independente e autónomo, por outro desejamos nunca, jamais separar-nos dele e ficarmos assim sempre e para sempre a senti-lo perto de nós, do nosso coração.
Mas compreender a vida é perceber que o filho é independente dos pais. E porque o tempo não perdoa, um dia irá querer bater asas e voar... e construir a sua própria família. Caberá-nos a nós pais, observá-lo e torcer para que ele seja muito feliz.

2009-09-21

Casamento com muito glamour

Ontem estivemos, eu e os meus "mais que tudo", num casamento lindíssimo numa quinta fantástica.
Sem cerimónia religiosa, num cenário colorido e cheio de flores,  assim se realizou a união dos noivos que, de resto, estavam lindos e apaixonadíssimos... aqui fica uma, das muitas fotos que tirei



À noite a quinta foi iluminada com luzes de presença e velas, com direito a fogo de artifício (mini). Não obstante o ambiente animado, com baile incluído, às 21 horas e com muita pena nossa tivemos de sair. À nossa frente ainda estavam 100 km para percorrer de regresso a casa.
Resta-me desejar aos noivos as maiores felicidades do mundo.

2009-09-18

É mesmo à portuguesa

Quando se faz, deveria fazer-se bem ou então não se faz! Até aqui tudo bem. E a questão é: como é possível que depois de colocarem um tapete novo de alcatrão na estrada, os buracos  do lado direito continuem lá? Como é possível que não coloquem as tampas e as grelhas, de nível com a estrada? Desculpem mas, ou a obra ainda não está terminada, como sempre nunca está, ou isto ultrapassa a minha compreensão!!

Por vezes as tampas estão demasiado altas, outras vezes estão enfiadas num buraco!
Elas deveriam estar sempre de nível, nem mais acima, nem mais abaixo, a direito pá...

Campanha publicitária contra o castigo físico infantil

Ultimamente apetece-me publicar, no meu blog, alguns videos que eu considero importantes.
Em relação a este, não são necessárias muitas palavras, as imagens dizem tudo...




"As suas mãos são para proteger, não são para bater."

Um NÃO acompanhado de uma explicação credível, será mais eficaz e melhor apreendido pela criança. Embora considere que uma palmada dada no momento certo (e em último caso), nunca fez mal a ninguém.
Mas e porque vivemos numa sociedade dita organizada há regras a cumprir. Não se pode passar o tempo todo a brincar, e o mesmo se aplicará ao estudar. Haverá um tempo para tudo... há que saber dividi-lo.

2009-09-17

Queen Mary 2

Este lindíssimo navio fez escala em Lisboa. É um dos maiores do mundo. Pesa o triplo do Titanic. E porque sonhar faz bem à saúde, nada melhor que dar uma espreitadela...
(fotos de Luís Graça)
Belo "barquinho" de passeio este!!!!!! ehehehehehe...

2009-09-16

Vegetarianismo


A ideia de me tornar vegetariana assume cada vez mais, contornos realista. Convencer a minha família aqui de casa, será de facto, a tarefa mais difícil.
Eles não resistem à carne assada, à picanha e por aí fora... e eu só de olhar para ela fico logo com enjoos.
Será um pouco como quando vejo uma pessoa muito gorda, muito obesa, fico literalmente, sem apetite! Porque será?

2009-09-11

Excerto



"- O dever! Caramba! O dever é sentir aquilo que é grande, amar o que é belo e não aceitar todas as convenções da sociedade, com as ignomínias que ela nos impõe."
...
"- Mas é necessário - disse Emma - seguir um pouco a opinião da sociedade e obedecer à sua moral."

Gustave Flaubert in "Madame Bovary"

Festas e Romarias de Portugal

Este fim-de-semana vou andar por lá...

2009-09-10

Prémio internacional de Engenharia ao nível de Estruturas distingue obra portuguesa



Ontem foi atribuido o prémio Outstanding Structure, o mais prestigiado galardão internacional na área de estruturas. As estruturas da Igreja da Santíssima Trindade em Fátima foi a obra premiada.
O Eng.º José Mota, professor da FEUP, foi o autor do projecto. Sublinhou que esta obra se distingue pelas suas dimensões, cujos elementos mais marcantes são as duas vigas salientes que suportam a cobertura e que atravessam todo o corpo da estrutura.
Este projecto foi distinguido por ser considerado o mais notável, inovador e criativo feito no mundo nos últimos anos.
Não pretendo ser jornalista, mas não poderia deixar de partilhar esta notícia convosco.

2009-09-09

Fui ao Sea Life


Este Verão, numa das idas ao Porto, aproveitamos e fomos ao Sea Life.
É muito giro, foi uma tarde bem passada, muito embora ache que ficou aquém das minhas expectativas. Apesar disso recomendo. Tem muitas espécies marinhas fantásticas dentro de aquários gigantes, simulando o mais aproximadamente possível, os seus habitats naturais. O tubarão bebé e as raias foram as minhas preferidas. Mas para os mais pequeninos, o "nemo" e a "dori" também lá estavam, embora em tamanho minúsculo.
Fica na Foz (Porto), mais precisamente junto ao Castelo do Queijo.

2009-09-08

Adoro o Outono


Pode parecer algo estranho ou talvez não, mas a verdade é que adoro o Outono.
O cheirinho do Verão que ainda paira no ar e que tantas recordações boas nos traz, as tonalidades verde claro, amarelo e alaranjado, a abundância de frutos da época como pêras, maçãs, uvas, castanhas, dióspiros, figos. O refrescar das noites que nos fazem arrepiar a pele e as tardes que ainda são deliciosamente quentes e intermináveis, mas que em breve encurtarão, anunciando que o Inverno está para chegar. Tudo isto faz-me sentir bem, dá-me um rejuvenescer quase incompreensível, como se o ano tivesse início agora e agora sim , fosse o início de tudo...!

Sugestão de passeio para um Domingo de Outono: os jardins de Serralves, isto para quem mora no Porto, são lindíssimos nesta altura do ano e para quem não sabe aos Domingos de manhã, a entrada é grátis.

2009-09-07

40 anos de internet



Se há 40 anos seria impensável viver com um simples computador, muito menos ainda com internet, nos tempos que correm viver sem este motor de busca seria igualmente impensável.

2009-09-06

Eco 92 - Brasil


De há 17 anos para cá, o que se pode concluir é que o homem não consegue parar!

2009-09-02

O preço dos manuais escolares



E se no mundo ideológico, os alunos pudessem usar os manuais escolares sob a forma de empréstimo, tendo apenas que os devolver no final do ano lectivo em bom estado, quanto é que o bolso das famílias e o ambiente poupariam?
E onde colocaríamos a diminuição dos lucros das editoras?
Por um lado todos temos consciência do dever e da obrigação de pouparmos, de reciclarmos, de adoptarmos comportamentos e atitudes sustentáveis. Por outro lado há o incentivo ao desperdício. Nos mass media não faltam as campanhas publicitárias, incentivando ao consumo. Mais...mais...e cada vez mais! Um verdadeiro contra-senso entre a teoria e a prática. E as crianças crescem a observar os adultos. Elas, que sabem como ninguém onde estará a fronteira entre estes dois mundos. Crianças que crescem, por certo, bastante confusas!

2009-08-31

Ontem vi "The Fall"



Um filme dentro de outro filme. Um filme cujos protagonistas principais se encontram por mero acaso dentro de um hospital. Ele acamado após uma queda e com tentativas de suicídio. Ela, uma menina inteligente, curiosa, com a vivacidade própria da idade que tem, com um braço engessado, após uma queda enquanto apanhava laranjas.
Ele revela-se um contador de histórias para a criança, a troco de comprimidos (de morfina) que ele, no fundo, exigia à menina que fosse buscar se ela quisesse ouvir o final da história. Enquanto tentava agarrar um frasco de comprimidos, às escondidas, que se encontrava num sítio mais alto da prateleira, a menina sofre uma segunda queda e magoa-se na cabeça.
Agora é ela que está acamada e recebe as visitas dele. A menina pede-lhe insistentemente que termine a história que ele lhe estava a contar. Mas o desenrolar desta, assume contornos dramáticos e às tantas a menina pergunta-lhe porque está a matar todos os intervenientes da história, inclusivamente a ele, que também lá entra. A menina, cujas lágrimas não consegue controlar, pedia-lhe que não queria que ele morresse. Ele com os olhos cheios de lágrimas, insistia que o final da história teria de ser a morte de todos. No fundo esta história acaba por ser o reflexo do seu estado de espírito. Ele encontrava-se no fundo do poço e queria suicidar-se.
A menina interpela-o e diz-lhe: "- não deixes que ele morra, eu não quero que ele morra. Ele tem de ir ter com a sua filha". E ele diz-lhe em tom de desespero: "mas eu não tenho filhos e nem sequer sou teu pai". "- mas eu amo-te"- diz-lhe a menina. A partir deste momento viver para ele, fez todo o sentido.
No fundo todos nós desejamos ser importantes e amados por alguém, para que a vida, a nossa vida faça todo o sentido.

2009-08-28

Momentos Dori


Esqueço-me com alguma facilidade das coisas, por enquanto coisas sem importância, esperemos que não se agrave.

Oleão à vista



Adquiri uma fritadeira eléctrica que leva cerca de 2 litros de óleo. Após 7 ou 8 utilizações, este óleo precisa, obviamente, de ser retirado. Nesta sequência surgiu-me um problema: para onde?
Guardei este óleo usado nas embalagens de origem e coloquei-o na despensa à espera de solução. Após isso, enviei um mail ao Exmo. Sr. Presidente da Câmara Municipal da minha área de residência, no sentido de o questionar sobre este problema. Convencida que estava de que nada existiria, nada, nadinha... eis que surge, quase de imediato, um mail da Câmara a indicar o sítio exacto do Oleão. E mais, disse ainda que irá ser colocado um Oleão em cada freguesia do nosso concelho.
Boa!
Afinal estamos sensibilizados para as questões ambientais!
O mundo maravilhoso das novas tecnologias, também permite que a informação circule mais rapidamente.
Sejamos amigos do ambiente, o óleo alimentar usado é para deitar no Oleão.

2009-08-27

LEDS, as lâmpadas do futuro


Esta é a nova geração de lâmpadas. É a alternativa aos modelos hoje utilizados.O seu consumo é bastante reduzido e o seu tempo de vida é muito maior. Uma alternativa, sem dúvida, mais eficiente e portanto mais ecológica.

2009-08-26

Sinto-me que nem uma abóbora

Desde o início do Verão que já estão contabilizados mais 3 kg, a somar aos 64 kg. Isto para quem mede 1,68m não me parece que seja, propriamente, o peso adequado. Não que eu esteja gorda, mas não me sinto bem.
Por isso há que meter mãos à obra e voltar a retomar as caminhadas diárias de 30 minutos. Pois é, tem mesmo de ser...!

2009-08-25



Barack Obama, presidente dos Estados Unidos, comprometeu-se a estabelecer metas rígidas de modo a reduzir as emissões de dióxido de carbono ao nível das de 1990 até 2020 e ainda em 80%, até 2050.

Excerto

"- Sabes, não podemos traçar uma linha para dividir as nossas vidas e dizer que aqui é a luz e aqui é a sombra. Existe uma zona de sombras no meio, marcada pela semiobscuridade. Faz parte da inteligência saudável reconhecer essas matizes, compreendê-las. E adquirir esse inteligente conhecimento das coisas, implica tempo e esforço."

Haruki Murakami in "Os Passageiros da Noite"

2009-08-24

As preocupações com a gripe A, paralelamente à crise, definiram o local onde passamos férias este ano. As praias do litoral norte, com as bem visíveis e imprescindíveis bandeiras azuis têm assumido lugar de destaque nos últimos anos e este ano não foi excepção. Verdadeiras praias de sonho, retiradas de um qualquer panfleto alusivo às férias, basta ter alguma imaginação. O verdadeiro senão estará na temperatura da água, uns míseros e arrepiantes 15 graus. Ahahahah!!!
Que eu não não gosto nada de praia, não gosto não senhor, digamos que sou literalmente arrastada pra lá... o que eu gosto é do momento a seguir à praia, tomar um banhinho bem fresquinho e vestir aquelas roupas bem leves e com cheirinho a Verão.

Agradecimentos

Antes de mais quero agradecer ao meu marido, por me ter ajudado a criar, editar e organizar este blog. Muito obrigada, saberás com toda a certeza que és o pilar desta minha vida com e sem tempo.

2009-08-23

A minha estreia


Andei a deambular por aí, na tentativa de arranjar um motivo que justificasse a criação de um blog. Como não encontrei nenhum em especial, resolvi criá-lo na mesma.

Escreverei sobre aquilo que entender nesse momento com o compromisso, no entanto, de dar o meu melhor, a minha perspectiva de ver alguns assuntos que marcam a actualidade e algumas banalidades do dia-a-dia também.